Arquivo de setembro, 2008

Certa vez, fui pregar em uma Igreja Metodista, na cidade de Nova Andradina – MS, e após a pregação, fui com o pastor ao centro da cidade comer algo. Assentados a mesa, conversávamos sobre a mensagem pregada naquela noite, cujo tema fora: santidade, baseando-se no texto abaixo:

“Rogo-vos, pois, irmãos, pelas misericórdias de Deus, que apresenteis o vosso corpo por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. 2E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” (Rm 12. 1,2)

Comentávamos sobre os modismos, e de como muitas coisas estranhas estavam penetrando no meio evangélico brasileiro. Falávamos de que a Igreja recebeu o chamado para influenciar o mundo, porém o que estava ocorrendo em alguns casos era o oposto: a Igreja estava sendo influenciada pelo mundo. Em determinado ponto do nosso nostálgico rememorar cristão, o Reverendo Getro da Silva Camargo, pastor metodista em Nova Andradina, e Superintendente Distrital do Estado de MS, relembrando sua juventude, expressou-se com a seguinte frase: com o passar do tempo, “a água entrou na arca!”. Isso fez, aludindo a Igreja como uma “arca”, e a “água” como os modismos. A reflexão a seguir, nasce do rememorar desse bate-papo, tendo como base a expressão: “A água entrou na arca!”
(mais…)

https://i1.wp.com/www.comunidade.cn/upload/escritofoto/66062.jpg

O conhecido ex-bruxo tio Chico, hoje pastor Francisco, em seu testemunho costuma contar o suposto pacto que ele teria feito para Xuxa, pacto este que a impediria ter contato sexual com homens. Neste mesmo testemunho pastor Francisco cita o nome da missionária Lanna Holder, ex-lésbica, dizendo que ela teve um caso com a apresentadora Xuxa, fato este que Lanna teria contado a ele pessoalmente. Porém, há algum tempo atrás, Lanna Holder publicou uma nota em seu Site Oficial, desmentindo a história de que teria acontecido em seu passado algum envolvimento com a apresentadora Xuxa.

A reflexão que se segue, nasce com base na matéria acima citada, porém nela não entrarei no mérito da discussão sobre o alegado relacionamento homossexual vivido no passado entre Xuxa e a hoje convertida e Missionária Lanna Holder. Focalizo sim as conseqüências dos falsos testemunhos, que têm surgido ultimamente no meio evangélico nacional. Desejo ater-me as mentiras que algumas vezes têm sido proferidas dos púlpitos por pessoas que se dizem convertidas, e sobre suas funestas implicações para a causa do Reino de Deus. Não conheço o ex-bruxo Tio Chico pessoalmente, embora tenha seu testemunho em CD, assim como do suposto Mano Guina, que também cito neste artigo. Ao escrever não me posiciono a favor deste ou daquele, tampouco como juiz sobre ninguém, coloco-me antes em baixo das Escrituras, que dizem, que devemos denunciar as obras infrutíferas das trevas: e mentiras são trevas, ainda mais quando ditas em nome de Deus e sua Palavra. E, é baseando-se em dois textos da Palavra de Deus a baixo citados que desenvolvo meu pensar.

O que era desde o princípio, o que temos ouvido, o que temos visto com os nossos próprios olhos, o que contemplamos, e as nossas mãos apalparam, com respeito ao Verbo da vida (e a vida se manifestou, e nós a temos visto, e dela damos testemunho, e vo-la anunciamos, a vida eterna, a qual estava com o Pai e nos foi manifestada), o que temos visto e ouvido anunciamos também a vós outros, para que vós, igualmente, mantenhais comunhão conosco. Estes versículos de 1 João 1 de 1 a 3 juntamente com Atos 4.20: “pois nós não podemos deixar de falar das coisas que vimos e ouvimos”, nos dão base para o testemunho de nossa fé diante de crédulos e incrédulos, relatando o que Deus fez em nossas vidas por meio de um encontro pessoal com Jesus Cristo ressuscitado.
(mais…)